Equipe do Corpo de Bombeiros chega a Sergipe após conclusão da missão humanitária no Rio Grande do Sul

A equipe do Corpo de Bombeiros Militar de Sergipe (CBMSE) chegou ao território sergipano após a conclusão da missão humanitária de busca e resgate por vítimas da catástrofe climática no Rio Grande do Sul. Os bombeiros sergipanos foram desmobilizados pelo Gabinete de Gerenciamento de Crise do Conselho Nacional dos Corpos de Bombeiros (Ligabom), que agradeceu por todo o apoio técnico e operacional fornecido pelo CBMSE à população gaúcha. A equipe chegou ao território sergipano nesse domingo, 26.

Agradecimento

O trabalho desenvolvido pelo CBMSE no Rio Grande do Sul foi reconhecido e agradecido pelo Ligabom. Conforme o Ligabom, o trabalho dos bombeiros sergipanos foi valoroso e contribuiu para salvaguardar a vida e o patrimônio da população do Rio Grande Sul durante o período que sucedeu a catástrofe. O agradecimento também foi feito pelo Corpo de Bombeiros Militar do Rio Grande do Sul.

“Em nome de toda a comunidade do Rio Grande, o CBMRS expressa a mais profunda gratidão ao trabalho que o CBMSE desempenhou durante as recentes enchentes na cidade. Sua coragem, dedicação e profissionalismo foram fundamentais para salvar vidas e minimizar danos”, expressou o 3º Batalhão de Bombeiro Militar (3º BBM), do Corpo de Bombeiros Militar do Rio Grande do Sul (CBMRS), em agradecimento ao CBMSE.

Trajeto de volta

Para o retorno dos bombeiros militares sergipanos ao estado, o Ligabom viabilizou transporte em aeronave da Força Aérea Brasileira (FAB). A equipe saiu na sexta-feira, 24, da cidade de Bento Gonçalves (RS) – onde atuou na missão de busca por vítimas de deslizamento de alto volume de terra na região – para Canoas (RS). Na base aérea de Canoas (RS), a equipe embarcou em direção a Brasília, no Distrito Federal.

Da capital federal, os bombeiros militares de Sergipe seguiram por via terrestre até a cidade de Jequié (BA), onde pernoitaram no dia 25. No domingo, 26, a equipe do CBMSE seguiu do território baiano para Aracaju.

Apoio operacional

Na missão humanitária, o Governo de Sergipe, por meio do CBMSE, enviou viaturas, botes para salvamento, drones e outros equipamentos de salvamentos necessários para atuação em situações de desastres como a vivenciada pelo Rio Grande do Sul.

A equipe do CBMSE chegou ao Rio Grande do Sul na quinta-feira, 9, onde iniciou os trabalhos pelo município de Pelotas (RS). Em seguida, no dia 10, os militares passaram a atuar em Rio Grande (RS). Desde o dia 21, a equipe estava em Bento Gonçalves (RS), onde atuou na busca por vítimas do deslizamento de alto volume de terra na região de Imaculada. O trabalho é feito com o auxílio de um cão farejador do CBMSE. A localização de atuação foi definida pelo Gabinete de Gerenciamento de Crise do Conselho Nacional dos Corpos de Bombeiros (Ligabom).

Os militares do CBMSE que atuaram para ajudar o povo gaúcho são especialistas em situações de catástrofes e já atuaram em situações similares, como Brumadinho (MG). Cinco são especialistas em atendimento em cenários de inundações. Um cão farejador e o bombeiro que o acompanha também foram encaminhados para a missão.

Fonte: SSP/SE

Publicidade!

Ueslei

Inove Academia

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here