Segurança Pública de Sergipe detalha planejamento estratégico de atuação no carnaval 2023

Foto:SSP/SE

A Secretaria da Segurança Pública (SSP) apresentou, em entrevista coletiva realizada nesta quinta-feira (16), o planejamento estratégico de atuação do Corpo de Bombeiros e das polícias Militar e Civil para atuação durante o Carnaval 2023 em Sergipe. As equipes das três instituições estarão estrategicamente distribuídas por todo o estado para garantir a tranquilidade da população sergipana durante as festividades carnavalescas que acontecem entre esta sexta-feira (17) e a próxima quarta-feira (22). 

Polícia Militar

A Polícia Militar definiu em planejamento estratégico que as unidades de área estarão com policiamento ordinário e extraordinário durante os dias que compreendem o período carnavalesco. Na Grande Aracaju, batalhões e companhias independentes, a exemplo do 1º BPM, 5º BPM, 8º BPM, 1ª CIPM, 2ª CIPM e 6ª CIPM, estarão atuando em suas respectivas áreas de trabalho.

As unidades contarão ainda com o apoio do Batalhão de Radiopatrulha (BPRp) e do Regimento de Cavalaria Mecanizada de Motopatrulhamento (Getam). Além dessas unidades, na Grande Aracaju, a Companhia de Polícia de Trânsito (CPTran) também será utilizada e reforçará a fiscalização do trânsito realizando blitze, testes de etilômetro (bafômetro) e ações de policiamento que resultarão em um trânsito seguro e fluido.

A atuação da Polícia Militar estará centrada em três grandes operações. A Operação Bloqueio, nas divisas e limites territoriais; a Operação de Trânsito, para intensificar as fiscalizações de trânsito com equipes da CPTran e também do Batalhão de Polícia Rodoviária (BPRv); e a Operação Momo, durante os dias de carnaval. Ao todo são 3 mil policiais militares.

As equipes do Comando do Policiamento Militar Especializado (CPME) também estarão atuando com as unidades do Batalhão de Choque (BPChq) e Esquadrão de Polícia Montada (EPMon). Também haverá a operação com drone e a Sala de Situação, para o monitoramento da atuação das equipes policiais durante o trabalho na segurança pública do Carnaval 2023.

O comandante da Polícia Militar, coronel Alexsandro Ribeiro, destacou que a atuação está composta por três operações para garantir a tranquilidade do Carnaval 2023. “Nós teremos aproximadamente 3 mil policiais militares atuando diuturnamente com o objetivo de manter a ordem pública e termos um carnaval com muita tranquilidade em Sergipe”, enfatizou.

Polícia Civil

A Polícia Civil estabeleceu os plantões policiais em delegacias da capital e do interior sergipano. Durante os dias do Carnaval, na capital, estarão em funcionamento os plantões do Departamento de Atendimento a Grupos Vulneráveis (DAGV) – que fica na rua Itabaiana, nº 258, bairro São José – e da Central de Flagrantes – que está situada na Avenida Visconde de Maracaju, no bairro Santos Dumont.

Na Região Metropolitana, a 11ª Delegacia Metropolitana (11ª DM) estará funcionando em regime plantonista para o atendimento às eventuais ocorrências que venham a ser registradas durante o Barra Folia, na Barra dos Coqueiros.

No interior sergipano, a Polícia Civil definiu plantões nas unidades localizadas nas cidades de Estância – sede e Praia do Abaís -, Canindé de São Francisco, Nossa Senhora da Glória, Itabaiana, Itabaianinha, Lagarto, Maruim, Neópolis, Pirambu e Propriá. Além das unidades plantonistas, a Polícia Civil atuará também com equipes do Departamento de Narcóticos (Denarc) para eventuais ocorrências envolvendo o tráfico de drogas.

As equipes de Local de Crime do Departamento de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP) também estarão de prontidão para eventuais casos de crimes contra a vida. O delegado-geral, Thiago Leandro, destacou que a atuação da Polícia Civil tem o foco na polícia judiciária. “O que for necessário, a Polícia Civil estará pronta.

Tanto na capital, quanto no interior do estado, teremos plantões normais e os plantões específicos nas localidades onde terão as festividades”, ressaltou. Corpo de BombeirosPara o Carnaval 2023, o Corpo de Bombeiros priorizou a atuação em áreas de balneario, como praias, rios e barragens, a fim de evitar afogamentos.

O planejamento da corporação leva em consideração que, nesse período, há o aumento da quantidade de pessoas nas áreas de banho. O efetivo da corporação estará trabalhando para orientar os banhistas e para evitar a ocorrência de afogamentos em todo o estado.

O efetivo da corporação estará estrategicamente distribuído para o rápido atendimento às ocorrências envolvendo afogamentos nas praias da Costa, Atalaia Nova (Barra dos Coqueiros), Prainha (Nossa Senhora do Socorro), Abaís e Saco (Estância), Caueira (Itaporanga D’Ajuda), Neópolis, Cumbe e Lagarto.

A corporação contará com um efetivo de militares tanto para o atendimento às eventuais ocorrências de atendimento a afogamentos, como também para o combate a incêndios, resgates e atendimentos pré-hospitalares. As equipes contarão com embarcações, quadriciclos e demais viaturas para facilitar o atendimento às ocorrências. 

O comandante do Corpo de Bombeiros, coronel Alexandre José, a atuação da corporação foi delimitada levando em consideração as áreas de banho que demandam maior atenção da instituição. “Temos conhecimento dos riscos dessas áreas e demos uma atenção maior. Mas, isso não exime o Corpo de Bombeiros de estar presente em todo o estado para garantir maior segurança a todos os foliões”, finalizou.

Fonte:SSP/SE

Publicidade!

Ueslei

Inove Academia

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here