Profissionais do Samu 192 Sergipe atuarão no atendimento e resgate das vítimas no Rio Grande do Sul

Os profissionais do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu 192 Sergipe) estão em deslocamento para o estado do Rio Grande do Sul, onde darão suporte no resgate e atendimento às vítimas das chuvas que atingem o Sul do Brasil. Os profissionais que atuarão na missão são especialistas em situações de urgência e emergência, capacitados pelo Serviço Aeromédico para garantir uma assistência pré-hospitalar de forma ágil e segura na hora do resgate.

Ao todo, serão 12 profissionais, sendo cinco enfermeiros, quatro médicos e um técnico de enfermagem que compõem o Serviço Aeromédico de Sergipe. Além da equipe, mais duas pessoas atuarão na organização, a convite do Ministério da Saúde (MS). Os profissionais atenderão durante dez dias nas regiões afetadas pelas chuvas no Rio Grande do Sul, podendo haver substituição de membros da equipe, caso seja necessário.

De acordo com o superintendente do Samu 192 Sergipe, Denisson Pereira, a equipe tem o intuito de somar esforços no resgate às vítimas. “Nesse primeiro momento, foram solicitados aqueles que têm a especialização e o conhecimento do resgate aéreo. São profissionais qualificados para esse tipo de atendimento, que é a primeira fase de resgate voltada para a busca e salvamento”, explicou o superintendente.

Uma parte da equipe do Samu 192 Sergipe já foi deslocada para o Rio Grande do Sul no último domingo, 5, a segunda parte seguirá para a missão nesta segunda, 6. É importante ressaltar que não haverá alteração nas escalas de atendimento do Samu 192 Sergipe que atuam no estado.

Cenário no Sul

O número de mortes em decorrência dos temporais que atingiram o Rio Grande do Sul subiu para 83, de acordo com o boletim divulgado pela Defesa Civil na manhã desta segunda-feira, 6.

Ao todo, 148 municípios foram afetados pelas fortes chuvas no estado da região Sul. Além disso, há 111 desaparecidos e 276 pessoas feridas. Um total de 141,3 mil pessoas estão fora de suas casas, 19,3 mil em abrigos e 121,9 mil desalojadas. Segundo informações da Defesa Civil do Rio Grande do Sul, 850 mil pessoas foram afetadas em todo o estado. Fonte: Governo de Sergipe

Publicidade!

Ueslei

Inove Academia

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here