Polícia Militar alerta para perturbação do sossego durante o Carnaval

Ocorrências continuarão sendo atendidas e registradas, podendo resultar na apreensão do aparelho sonoro

O Carnaval é uma festa popular e todos têm o direito de aproveitar as festividades tradicionais da época. Porém, a Polícia Militar lembra que continua valendo o alerta para a prática da perturbação de sossego, já que existem pessoas que podem estar doentes, trabalhando durante o período carnavalesco ou que simplesmente não gostam de som alto.

As denúncias sobre ocorrências de perturbação do sossego podem ser feitas à PM por meio do telefone 190, que é operado pelo Centro Integrado de Operações em Segurança Pública (Ciosp). Os operadores da unidade estarão de prontidão para o atendimento às ocorrências que demandem a segurança pública, inclusive as práticas de perturbação do sossego.

O diretor do Ciosp, major Daniel Couto, faz o alerta sobre a prática. “Essa prática é uma contravenção penal. Por isso pedimos que, se a pessoa for utilizar um som, coloque o volume em uma altura razoável, pratique a resiliência, a empatia, que se coloque no lugar do outro”, disse.

“O Ciosp já tem o levantamento estatístico e percebemos que há praticamente o dobro de ocorrências em um fim de semana de Carnaval em relação a um fim de semana normal. Normalmente, no fim de semana são 600 ocorrências e no fim de semana de Carnaval aumenta para em torno de 1.200 ocorrências de perturbação do sossego”, revelou.

A PM reforça que as equipes da corporação estarão de prontidão para o atendimento às ocorrências criminais que porventura venham a ocorrer durante o período carnavalesco de 2023, incluindo as ocorrências de perturbação do sossego, que podem resultar na apreensão do aparelho sonoro.

Comparativo

Conforme os dados do Ciosp, em 2022, no período que compreendeu o Carnaval (26 de fevereiro a 1º de março) foram recebidas pela unidade 2.257 chamados em decorrência da prática de perturbação do sossego. No Carnaval de 2021 (de 13 a 16 de fevereiro) esse número foi de 1.856 acionamentos para o mesmo tipo de ocorrência.

Fonte:SSP/SE

Publicidade!

Ueslei

Inove Academia

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here