Reunião entre SSP, MP e FSF ajusta detalhes sobre a segurança durante os jogos em estádios de futebol

Medidas serão adotadas já no domingo, na partida entre Confiança e Sergipe

Integrantes do Ministério Público Estadual, polícias Militar e Civil e Federação Sergipana de Futebol (FSF) estiveram reunidos nesta quarta-feira, 8, na sede do MP, em Aracaju, para traçar um plano voltado à segurança nos estádios de futebol. A medida visa garantir tranquilidade aos torcedores que frequentam as praças esportivas do estado e conter quaisquer ações delituosas por parte de torcidas organizadas ou de outros personagens que venham comprometer a plena execução dos eventos esportivos.

Durante o encontro, os órgãos envolvidos fizeram uma breve explanação dos respectivos planejamentos, visando o alinhamento dos trabalhos que serão executados antes, durante e após as partidas. Diante das apresentações, o promotor Deijaniro Jonas, da 3ª Promotoria de Justiça, especializada no controle externo da atividade policial, fez orientações e sugestões, inclusive para o ‘clássico maior’ Confiança e Sergipe, que ocorre neste domingo, 12, na Arena Batistão, dentro do Campeonato Sergipano.

“Viemos tratar de um plano de segurança para este evento, envolvendo a Federação Sergipana de Futebol, a parte de segurança privada vinculada à Federação; a Polícia Militar e a Polícia Civil, para que fossem expostos os passos desse planejamento, para que não ocorram incidentes no transcorrer desse evento, no sentido anterior – durante a sua realização – e no sentido posterior, através de um trabalho preventivo a ser colocado em prática”, citou o promotor a respeito do objetivo da reunião.

Ainda na reunião, o promotor disse que o MP recebeu denúncias sobre ações delituosas por parte de alguns integrantes de torcidas organizadas e informou que qualquer tumulto que, porventura, venha a ser gerado durante os eventos esportivos terá consequência, inclusive, responsabilizando os integrantes de torcidas organizadas e suas diretorias. “Afinal de contas, a relação dos torcedores deverá ser atualizada sempre e entregue à Federação e ao Ministério Público. Portanto, há também responsabilidade e obrigações por parte dos torcedores e dos membros dessas torcidas”, completou Deijaniro Jonas.

No encontro entre os órgãos, foram divulgados detalhes sobre a segurança da partida. “A Polícia Militar estará empregada nas primeiras horas do dia, com policiamento normal ordinário, e todos estão orientados a já ficar atentos a essas movimentações de torcida. Iniciando no período da tarde, bem antes do início do horário do jogo, vamos estar lançando todo o reforço desse policiamento, também com o intuito de fazer o acompanhamento na chegada desse público que vai ao estádio torcer, acompanhar o jogo. Em seguida, vamos acompanhar a dispersão desse público, que vai retornar para os seus bairros”, citou o coronel George Melo, que está à frente do Comando do Policiamento da Capital (CPMC). O oficial da PM também informou que, além do emprego de toda estrutura policial militar na partida Confiança e Sergipe, o Grupamento Tático Aéreo apoiará a ação.

A delegada da Polícia Civil Nalile Castro, da Coordenadoria de Polícia Civil da Capital (Copcal), também acompanhou o encontro e apresentou o plano desenvolvido pela PC para a tranquilidade de todos os envolvidos nos jogos de futebol. “Visando a segurança dos estádios e dos torcedores, a Polícia Civil se fez presente no dia de hoje, com o Ministério Público e a Polícia Militar. Alguns pontos foram discutidos, justamente porque a Polícia Civil entra também nessa atuação preventiva, já realizando alguns trabalhos de caráter investigativo. Mais reuniões ocorrerão, inclusive até o dia do jogo, no domingo”, frisou a delegada.

Além da PM e da Polícia Civil, a Federação Sergipana de Futebol também estará atenta à segurança dos torcedores. “Nós usaremos câmeras para o reconhecimento facial. Todas as torcidas organizadas serão obrigadas a entregar uma relação até sexta-feira, para que nós possamos ter um controle bem maior do que tivemos até hoje. Estaremos com o controle total das torcidas, para que possamos inibir a ação delas e ter no próximo domingo um clássico de tranquilidade, um clássico de paz, em que as famílias possam ir com tranquilidade aos estádios”, falou o representante da FSF, coronel Magno Silvestre.

Fonte: Ascom/SSP

Publicidade!

Ueslei

Inove Academia

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here