Empresário Lagartense briga com tripulação por causa de poltrona suja e é retirado pela Polícia Federal de avião prestes a decolar no Recife

Idoso que foi retirado de avião no Recife após confusão com tripulantes da Azul — Foto: Reprodução/WhatsApp

Um idoso foi retirado pela Polícia Federal (PF) de dentro de um avião da Azul que estava prestes a decolar no Aeroporto Internacional do Recife, na Zona Sul da cidade, neste domingo (22). Ele se exaltou ao reclamar que a poltrona em que foi colocado na aeronave da companhia aérea estava suja.

Como o passageiro não parava de discutir com a tripulação, o comandante pediu a retirada compulsória dele do voo. Quando os policiais federais entraram no avião, o idoso acompanhou os agentes sem apresentar resistência.

A confusão aconteceu no voo 4145 da Azul, que deveria ter saído do Recife às 12h50 em direção ao Aeroporto de Congonhas, em São Paulo. Por causa da discussão, a aeronave decolou com quase uma hora de atraso, às 13h40.

De acordo com a PF, o homem é um empresário de 65 anos, natural da cidade de Lagarto, em Sergipe. O nome dele não foi divulgado.

Em vídeo mostram o idoso em pé, reclamando do atendimento que recebeu da companhia aérea. O passageiro contou que havia saído de Fortaleza.

“Eu vou desembarcar aqui. Ou o avião não vai embora enquanto não for avaliado o que foi feito. Ótimo, agora vai ser assim. Vamos chamar a polícia e as autoridades […] Vamos ver se alguém vai encostar em mim”, disse o idoso.

O que diz a PF

Por meio de nota, a Polícia Federal afirmou que:

O homem afirmou estar passando por uma situação de estresse em virtude de uma série de problemas pessoais e familiares;
Após ser retirado do avião, assinou um documento que afirma que o desembarque compulsório ocorreu por ele colocar em risco a segurança do voo, promover tumulto a bordo e desobedecer as normas de segurança da aviação civil;

Depois de assinar o termo, ele foi liberado;
A PF, porém, ainda pode instaurar um inquérito por expor aeronave a perigo ou tentar dificultar a navegação aérea.

O que diz a Azul

A Azul respondeu por meio de nota:

A empresa disse lamentar o contratempo ocorrido aos clientes;

Também afirmou que a retirada do passageiro indisciplinado foi necessária para conferir segurança à operação aérea;

A companhia informou fazer a limpeza de todas as aeronaves a cada voo, seguindo as orientações da Associação Internacional de Transportes Aéreos;

Por fim, a Azul afirmou que orienta todos os tripulantes para se atentarem às medidas de higiene recomendadas pelo Ministério da Saúde.

Fonte:G1

Publicidade!

Ueslei

Inove Academia

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here